Oito funcionários da Vale são presos em investigação sobre Brumadinho | Primeiro Impacto (15/02/19)

0
Oito funcionários da Vale são presos em investigação sobre Brumadinho | Primeiro Impacto (15/02/19)
4.8 (96.36%) 11 voto[s]

[bmto id=”1″]https://www.youtube.com/watch?v=Z1TO6M4Wf98[/bmto]

Oito funcionários da Vale foram presos, na manhã desta sexta-feira, durante investigação sobre o rompimento da barragem de Brumadinho (MG). A operação ocorreu em três estados: Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. De acordo com o Ministério Público, a ação tem o objetivo de “apurar responsabilidade criminal pelo rompimento de barragens existentes na Mina Córrego do Feijão, mantida pela empresa VALE, na cidade de Brumadinho”.

Ainda segundo o MP, todos os presos estavam diretamente envolvidos na segurança e estabilidade da barragem que se rompeu. São eles: Alexandre de Paula Campanha, Artur Bastos Ribeiro, Cristina Heloíza da Silva Malheiros, Felipe Figueiredo Rocha, Hélio Márcio Lopes da Cerqueira, Joaquim Pedro de Toledo, Marilene Christina Oliveira Lopes de Assis Araújo e Renzo Albieri Guimarães Carvalho.

O rompimento da baragem 1 da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, no dia 25 de janeiro, deixou 166 mortos e 147 desaparecidos, até o momento. As buscas seguem na área atingida pela lama.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui